Porque é que o MMA é tão popular?

Quem vem prestando atenção nas últimas tendências na televisão e na internet, já reparou com certeza que entre notícias, blogues ou shows em direto, o MMA está firmemente estabelecido como um esporte popular e que atrai a atenção de milhões de fãs pelo mundo inteiro.

Mas o que explica então essa popularidade de um esporte relativamente recente, pelo menos no seu formato atual, em detrimento de outros esportes e espetáculos televisivos como o wrestling americano?

Ao contrário do que inicialmente possa parecer, o MMA é um esporte que por detrás do indiscutível aspeto de violência, se rege por um código de conduta, disciplina e respeito pelo adversário, que é muito bem recebido por seus seguidores e que faz com que mais pessoas sigam o MMA e também se iniciem em sua prática.

Este esporte promove a auto-disciplina tanto no treinamento como também no estilo de vida, da alimentação até à atitude pessoal para com os outros no dia a dia, sejam eles adversários ou não.

Esse é, aliás, um aspeto que não se perdeu em relação às artes marciais que compõem o MMA.

Uma das principais razões, por estranho que pareça, e que deveria ser tomada como exemplo por outros esportes que lutam para ganhar visibilidade e novos fãs, é a presença mediática de suas maiores estrelas.

Os lutadores e lutadoras mais famosos do MMA mantêm uma presença assídua nas redes sociais, permitindo a seus fãs estar ao corrente de todas as novidades e assim se sentirem como parte do show.

Um outro aspeto que será fulcral para a popularidade do MMA é o facto de ser um esporte que promove a diversidade, com estrelas conhecidas mundialmente tanto do lado masculino como do feminino, como é o caso de Ronda Rousey que apenas na rede social Twitter conta com mais de dois milhões de seguidores.